O tempo

O passado ingênuo olha para o presente incrédulo:

- O que aconteceu com os meus sonhos?

O futuro, escutando tal indagação, incentiva:

- Ainda há alguma esperança.

O passado, muito inquieto, olha para o presente e pergunta:

- O que está acontecendo? Quero uma resposta.

O presente olha para os dois, por alguns segundos, e diz:

- Eu? O que eu sempre faço: existindo em pequenas frações de segundos. Já reparou que quando eu sou, já me torno rapidamente em você, passado? E o futuro? Eu nem sinto o futuro, porque o próximo segundo só existirá se eu existir. Passado, você é fruto das escolhas feitas no instante-já. Futuro, você é uma mera expectativa que pode ou não acontecer. E eu? Sou a oportunidade das coisas acontecerem. E, por ser responsável pelo instante-já, carrego duas bagagens: o peso das minhas escolhas que você, passado, conhece muito bem; e, manter à esperança que haverá uma oportunidade ao amanhecer, não é mesmo, futuro? Se deixo de ter expectativa, falho. Se não tenho oportunidade, não existo. Eu, soberano do instante-já, só me resta apostar em uma escolha. Uma escolha que levará para um caminho incerto, mas que eu insisto por carregar uma bela expectativa. E, com o tempo, percebemos que vamos trilhando o possível e, às vezes, até o impossível no instante que nos é oportunizado. O que eu quero falar com tudo isso? A vida é um sopro. Eu, presente, sou quem assopra. Eu, presente, sou um pequeno lapso de tempo que oportuniza não só a existência, mas a realização. Sabe o que eu realmente espero? Sabe o que realmente importa? Não desperdiçar essa oportunidade. Fazer valer a pena, apesar dos pesares. O instante-já é tudo que nós temos. Isso é muito significativo, passado. É isso que eu aspiro, futuro.

Os três se olharam. O passado ficou quieto só recordando. O futuro, com um olhar incerto, ficou em pleno silêncio. E o presente continuou fazendo o que sabe fazer: existindo em pequenas frações de segundos. 

Escrito por Aline Goulart

Coisas simples

De tanto observar as coisas simples, 
tornei-me admiradora delas, 
pois há um encanto despretensioso 
nos seus incríveis ensinamentos. 

O simplório tem o seu valor.

Escrito por Aline Goulart

Frase solta XXXV

É no pico da montanha
que reside a glória,
mas é no escalar
que se faz o verdadeiro
vencedor.

Escrito por Aline Goulart

Layout e conteúdo por Aline Goulart.
Todos direitos reservados © 2012-2017.
| Voltar para o topo |