Um dia...

Não sou feita de contradições. 
Sou feita de gradativas metamorfoses. 

Não tenho pressa. 
Vivo as minhas transformações internas de cada vez. 

Um dia, talvez, terei a liberdade de ser borboleta.

Escrito por Aline Goulart

Um comentário :

Layout e conteúdo por Aline Goulart.
Todos direitos reservados © 2012-2017.
| Voltar para o topo |