Vivencia(ma)r

DOS OLHARES: 

(...)

olhavam-se 
de forma amorosa 

olhares
que falavam por si só:

estou aqui, meu bem, 
pode contar comigo. 

DECIDIRAM: 

(...) 

render-se 
ao momento 

vivenciar 
cada acontecimento 

deixando de lado 
os receios 

e, princialmente, amando 
sem devaneios.

Escrito por Aline Goulart

7 coment√°rios :

  1. Fizeram uma linda opção! Adorei! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Amar sem devaneios. Eu só aprendi isso quando eu conheci o verdadeiro amor.
    Adorei o texto. √Č uma del√≠cia olhar para o outro desse jeitinho.

    Bjos, Si.

    ResponderExcluir
  3. Muitas vezes um olhar diz tudo...

    Isabel S√°
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  4. O amor implica a rendição ao momento.
    Excelente poema, gostei imenso.
    Parabéns pelo seu grande talento para a poesia.
    Continuação de boa semana, querida amiga Aline.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  5. Ali, é uma delícia ler seus poemas... como eu estava com saudades <3
    Que delícia vivenciar o amor, tb é uma delícia ver amigas e pessoas que a gente gosta passando por isso né?
    Obrigada por compartilhar com a gente suas lindas palavras <3

    Um beijo bem grande

    ResponderExcluir
  6. Amar é a melhor escolha.
    Amar desse jeito é maravilhoso.
    Sorte de quem ama e tem amor na sua vida.

    Até!

    ResponderExcluir
  7. Um bela história de amor... que adorei descobrir, neste lindo poema!...
    Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir

Layout e conte√ļdo por Aline Goulart.
Todos direitos reservados © 2012-2017.
| Voltar para o topo |